BTB Intercâmbios 

Carnaval pelo Mundo

01.03.2019

O Carnaval é a festa que se tornou elemento da nossa cultura. O Brasil é conhecido mundialmente por isso. Apesar do nosso país ser uma referência quando o assunto é Carnaval, nós não o criamos e também não temos a exclusividade de realizá-lo. 

Em várias partes do mundo existem festas, que são carnavais, apesar dos diferentes nomes. Alguns são ainda mais tradicionais que o nosso - por serem comemorados a mais tempo e não intensidade, na alegria somos reis e rainhas do Carnaval - como, por exemplo, o Carnevale di Venezia, que remete aos tempos medievais, mas calma, não vamos colocar os carros alegóricos na frente da bateria, vamos falar disso logo logo. 

Separamos as principais comemorações do mundo, para você ir preparada(o) para cada uma delas, se curtir o carnaval no Brasil já é uma experiência única, imagine em outros países! Mas, antes é preciso saber um pouco da história desta festa que é tão popular no nosso “Brasilzão”.

A História do Carnaval

Alguns historiadores remetem a origem do Carnaval na Mesopotâmia, atualmente corresponde a áreas de Kuwait e Iraque, tendo como centro a Babilônia.    

A festa tinha o nome de Saceias e funcionavam da seguinte maneira, era concedido  a um prisioneiro que, assumisse a identidade de rei por alguns dias, porém, ao fim da comemoração o mesmo era morto das mais diversas formas. 

Continuando na Babilônia existia outra “celebração”, que consistia em, o rei da Mesopotâmia ia até templo do deus Marduk, e era agredido e humilhado. Tal ato era feito para demonstrar que mesmo sendo a figura máxima ali presente, era inferior ao deus.  

Outros estudiosos da área acreditam que a festa de Carnaval teve origem na Grécia por volta de 600 a.C. A celebração ocorria no equinócio da Primavera, comemorando o fim do inverno. Com uma ligação muito grande entre as civilizações, histórias, também, contam que a origem da festa pode vir da Saturnália, na Roma Antiga, onde as pessoas se mascaravam e saiam para beber, brincar e comer. 

Porém, todas essas festas são de origem pagã. Com o fortalecimento da igreja católica, sendo a “nova” religião do Império Romano,  não via com bons olhos esses tipos de comemorações, o mundo foi mudando. A igreja não aprovava a ideia da inversões de papéis, usavam como exemplo inverter deus com o diabo. 

A partir do século VIII a igreja conectou a festa com a quaresma. Com a ideia de, manter uma data para as pessoas cometerem seus excessos, antes do período religioso. 

A história do Brasil com o Carnaval começa apenas no período colonial, séculos XVI até XIX, com uma festa de origem portuguesa sendo praticada pelos escravos. 

A origem da palavra Carnaval vem do latim carnis levale que significa “retirar a carne”, remetendo assim ao período da Quaresma, onde na religião católica seriam dias sem consumir carne e fazer jejum. 

Festejando pelo mundo

Conhecendo mais a história de outros carnavais é hora de saber como eles estão sendo realizados atualmente pelo mundo:

Carnevale di Venezia - Veneza, Italia

O Carnaval de Veneza surge de uma tradição do século XVI - Existem alguns registros de certos eventos carnavalescos por volta do século XI, mas nada muito concreto - onde a nobreza usavam máscaras e fantasias para se misturar com o povo. Apesar das evoluções, a tradição do uso de máscaras segue como principal destaque.

A festa tem duração de mais ou menos 10 dias, sendo realizado bailes durante a noite e desfiles pela cidade proporcionados pela Compagnie della Calza. Recomendamos os mais conhecidos que são lindos espetáculos como, por exemplo, Os Antigos e Os Ardentes ou do italiano L'antico e l'ardente.

As fantasias bem características da festa, vem do século XVIII. Não podem faltar também as máscaras, essencial para festejar em Veneza, são conhecidas como máscaras nobres ou do italiano maschera nobile. Desde 1979 as mudanças vem sendo mais impactantes, então na hora de se vestir não precisa preocupar com as cores das vestimentas, se antes eram apenas pretas agora está liberados mais cores. Mas, as máscaras continuam a ser prateadas, brancas ou douradas.

*Datas: 

2019 - Começo 16/02 | Fim 05/03

2020 - Começo 08/02 | Fim 25/02

2021 - Começo 01/02 | Fim 16/02

 

Mardi Gras - Nova Orleans, EUA

Nova Orleans é muito marcada pelo jazz, as culturas francesa e africana deixaram muitas influências na cidade. Localizada no estado da Louisiana, ao sul dos EUA, a cidade possui um dos carnavais mais badalados do país, o Mardi Gras, traduzir do francês significa: terça-feira gorda.  

A tradição começou por volta de 1730, trazida da França por colonos. Atualmente atrai multidões com seus desfiles e toda a alegria que a festa proporciona. 

Pessoas fantasiadas, carros alegóricos e muita música são um belo resumo de como é o Mardi Gras. Essa festança toda começa no Dia de Reis, todo dia 06 de Janeiro, e vai até a Terça - Feira de Carnaval. Existe uma certa associação da festa com o bairro French Quarter, Quarteirão Francês em inglês, mas festa e desfile rola por toda a cidade.   

Dica: Um ótimo lugar para levar as crianças e a família toda para ver os desfiles é na, St. Charles Avenue, Garden District, New Orleans.

*Datas: 

O Mardi Gras sempre começa no dia 06 de Janeiro e vai até a Terça - Feira de Carnaval, por isso pode se estender ou encurtar dependendo do ano. 

Carnaval de Santa Cruz de Tenerife - Tenerife, Espanha

Apesar do Brasil ser muito conhecido por seu Carnaval, existe outro que é até mesmo, um pouco maior. Espantoso né? Mas, Santa Cruz de Tenerife, uma província e cidade da Espanha, possui o maior Carnaval do mundo! 

O conceito de cidades gêmeas é muito conhecido e até mesmo ensinado nas escolas, Santa Cruz de Tenerife possui gemelaridade com o Rio de Janeiro por conta do Carnaval.   

A festa invade totalmente capital das Ilhas Canárias com tudo muito colorido, e abundante. A festa é dividida em 7 atos: 

Quarta-feira: Grande Festa para Eleição da Rainha do Carnaval: Neste dia é escolhida Rainha do Carnaval, em uma festa de gala que é retransmitida para todo o país e até mesmo internacionalmente. 

Um desfile é realizado, e um júri composto por membros da corporação municipal e               celebridades, estarão encarregados de escolher a Rainha, uma tarefa muito importante.

A rainha tem muita responsabilidade, é ela que irá representar o carnaval nas diversas feiras de turismo.  

Sexta-feira: Cabalgata Anunciadora: Na sexta - feira rola um grande desfile na noite das ilhas,e geralmente muito movimentado. A festa percorre as grandes avenidas  "anunciando" a chegada do Carnaval. A rainha, já escolhida na Quarta - Feira, e as damas de honra possui seu próprio carro. Os artistas de Santa Cruz, no geral músicos estão espalhadas por toda a festa. 

No total, são mais de 4 horas, e no final … O Carnaval é finalmente anunciado 

Sábado de Carnaval: O sábado é inteiramente dedicado à dança. Duas das principais praças da cidade ficam lotadas, são os cenários com mais destaques nesse dia. 

(Lunes) Segunda de Carnaval: Na Segunda - Feira, é um grande dia da festa! Com diversas performances espalhadas pela cidade. Nada muito específico, neste dia o mais importante é festejar, se divertir e comemorar.

(Martes) Terça de Carnaval - El Gran Coso Apoteosis: Terça é muito semelhante a Sexta Cabalgata Anunciadora, uma das diferenças é ser realizado pelo dia e não a noite. 

Ocorre outros desfiles carnavalescos com direito a, carros alegóricos, decorados e rainhas. Esses shows acabam sendo mais realizados para turistas. As principais rotas desse desfile são os pontos turísticos da cidade. 

Miércoles de Ceniza: Sendo o Primeiro dia da Quaresma, Santa Cruz “celebra” o Enterro da Sardinha. As ruas da cidade são “vestida” de luto. 

Sábado y Domingo de Piñata: São os últimos días que ditam o fim de mais um ano de Carnaval. É principalmente realizado no Sábado. Já na manhã de domingo, acontece uma competição de  carros antigos e o tradicional Afilarmónica NiFú-NiFá. E para finalizar, um show pirotécnico na noite de domingo. 

*Datas: 

01/02 até 10/03

Carnaval de Colônia - Köln, Alemanha

O maior Carnaval da Alemanha! Com o lema Köln hat was zu beaten (Colônia tem algo a ser batido ou É difícil bater Colônia) é realmente uma das festas mais incríveis de todo o mundo. Os moradores da cidade ficam ansiosos para que chegue logo a época de comemorações.

Conhecido também como a “Quinta Estação”, o Carnaval à séculos vem trazendo cor e alegria para as ruas de Colônia (Köln). A primeira festa, realmente planejada com uma comissão por trás de tudo chamada Festordnendes Komitee, aconteceu em 1823 - antes disso as comemorações eram improvisadas, cada um fazendo do seu jeito.

As festividades começam em datas iguais ao Brasil. A abertura ocorre na Alter Markt, o centro histórico da cidade, com desfiles do Príncipe, do Agricultor e da Virgem. 

O Carnaval da cidade de Colônia se parece muito com o do Nordeste brasileiro, claro que dada as devidas proporções de cada um. O importante é se divertir, não importa idade e as pessoas se fantasiam mesmo! Nem que usem pijama nas ruas. 

 

*Datas: 

28/02 até 06/03

Carnaval do Rio - Rio de Janeiro, Brasil

RJ 40º! Esse dispensa apresentações, o Carnaval do Rio de Janeiro é um dos melhores do Brasil! E com direito a tudo, desfiles, blocos, fantasias e muita diversão. 

Escola de samba na cidade é como um time de futebol, as pessoas crescem nas escolas ajudando vendo o Carnaval acontecer. A cada título, cada vitória é alegria pura! A cidade é tomada por blocos de rua, muitas vezes não dá para chegar no trabalho.

A festa acontece para todas as idades e características, tanto para quem é mais light e gosta de curtir um ou dois dias de festa e descansar tendo as belas praias do Rio de Janeiro como vista, quanto para quem quer dormir pouco e viver na folia os 4 dias. 

 

*Datas: 

01/03 até 05/03

Carnaval de Trinidad e Tobago - Trinidade e Tobago, Caribe

O Carnaval de Trinidad e Tobago tem um peso cultural muito grande no país caribenho. A base para as festividades é a música, principalmente a Soca, um ritmo afro-caribenho originário da ilha de Trinidad com características semelhantes ao Calypso.

Sua história começa com o domínio francês sobre a ilha. Entretanto, suas raízes vêm do continente Africano sem sombra de dúvidas.

As comemorações começam às 4h da matina, tem que acordar cedo para curtir muito! Então prepare uma fantasia bem bonita e curta. Se delicie com as maravilhosas comidas da ilha, dance bastante ao som das músicas caribenhas e não deixe de curtir uma das praias mais bonitas do mundo. 

 

*Datas:

04/03 até 05/03

Carnaval de Oruro - Oruro, Bolivia

Oruro é a capital cultural da Bolívia. Estando a cerca de 3 horas de La Paz a cidade é dona do carnaval mais importante do país. É tudo muito cultural e tradicional, claro que festa não falta, porém, tem uma carga maior do que ser apenas um festival. 

A festa dura 24 horas, se você é daqueles foliões incansáveis então Oruro é uma ótima parada. 

O que antes era uma celebração indígena hoje é religiosa, uma homenagem à Pachamama e Tio Supay, Mãe Terra e Deus do Submundo respectivamente, tudo é feito para ter a referência do bem vencendo o mal, no festival eles fazem danças, mais um ritual na verdade chamado La Diablada, que significa dança dos demônios. 

 

 

Conclusão

O Carnaval é muito mais do que apenas uma festa para beber e pular, mas sim onde a cultura de um povo renasce, é onde o povo se une para comemorar. 

Por isso, seja no Brasil ou fora dele, comemore muito o Carnaval, entre de cabeça na cultura. Procure entender e respeitar e claro, se divertir muito! Pule, dance, cante, beba e traga as mais incríveis memória. 

SE BEBER NÃO DIRIJA

  • Tags:

#EuSouBTB

#
#
#
#